CTV inicia projecto de educação ambiental e promoção de pequenos negócios nas Comunidades da Vila de Quissico

Teve início no final do mês de Março de 2021 o projecto denominado Educação Ambiental e Promoção de Pequenos Negócios. Este projecto visa promover a adopção de práticas sustentáveis de utilização dos recursos naturais, sobretudo promovendo a inovação e o aproveitamento de coqueiros não produtivos, processamento de frutas e produção de produtos florestais não madeireiros que acrescentem valor para geração de rendimentos. Para além das fruteiras, a iniciativa vai ainda promover a produção de colmeias, processamento e certificação laboratorial do mel, assim como a definição de um recipiente com rótulo próprio.

O projecto, que terá a duração de dois anos, vai beneficiar as comunidades de Mussacate, Muhate e Makomane, cujas associações foram constituídas com apoio do CTV e algumas delas têm vindo a desenvolver diferentes tipos de actividades. Por se tratar de uma iniciativa apoiada pela organização alemã Terre des Hommes, que defende a promoção dos direitos da criança e dos jovens, representantes destas faixas etárias farão parte dos comités de gestão de recursos naturais nas comunidades, para discutirem questões que os afectam especialmente.

No âmbito da implementação deste projecto será construído um Centro de Desenvolvimento de Criatividade e Consciência Ambiental (CDCCA) na comunidade de Mussacate, que poderá criar uma base para a continuidade destas iniciativas, o que pode contribuir para a mudança do modo de vida dos beneficiários do projecto e suas famílias.

O centro vai garantir o treinamento de jovens de ambos os sexos para realizar actividades sustentáveis de geração de renda, carpintaria e serralharia para a produção de colmeias, olaria e ainda processos de processamento. Prevê-se que, depois das sessões teóricas em sala, os alunos tenham as aulas práticas no CDCCA.

Os beneficiários contarão com diversos tipos de capacitação, incluindo a gestão sustentável dos recursos naturais, o desenvolvimento de produtos e serviços de alto valor comercial, bem como a gestão e implementação de projectos de geração de rendimentos.

A iniciativa foi apresentada ao Governo local, designadamente ao Serviço Distrital de Educação e Juventude de Zavala (SDEJTZ) e ao Serviço Municipal da Mulher, Acção Social, Juventude e Tecnologia do Município da Vila de Quissico. Com este contacto inicial pretende-se conciliar o plano de actividades inseridas neste projecto com os programas do Governo, à luz do Memorando de Entendimento que vigora desde 2017 no primeiro projecto.  As instituições mostraram-se abertas a colaborar, tal como aconteceu na implementação do primeiro projecto, altura em que, entre outras acções, foram construídas cisternas para reserva de água da chuva, bem como um edifício onde funciona a secretaria, o Gabinete do Director e ainda a sala dos professores da escola Primaria do 1º e 2º graus de Makomane.

Este projecto é a continuação do projecto de educação ambiental e formas alternativas de sobrevivência para as Crianças Órfãs e Vulneráveis (COV’s), implementado entre Agosto de 2017 e Dezembro de 2019 na comunidade de Makomane.

08-04-2021